Ceará Cresce Brincando

Aqui se cresce brincando!

Arquivos Mensais: janeiro 2014

As mídias, a publicidade e o brincar

brincando com papelão“As crianças hoje brincam cada vez menos, pois ficaram dependentes dos brinquedos e produtos tecnológicos que o mercado oferece e que os pais têm comprado, motivados mais pelo marketing do que pela consciência. A vida corrida, falta de tempo de lazer e a invasão de smartphones, videogames e computadores estão transformando drasticamente os vínculos familiares e o tempo de lazer”.

É com esse trecho de um excelente texto encontrado no site Prioridade Absoluta – Criança em primeiro lugar que começamos o ano falando sobre como as crianças estão “desaprendendo a brincar” diante do arsenal de artigos tecnológicos – celulares, tablets, videogames, computadores – que invadem o mercado e a publicidade, principalmente, televisiva. O link feito entre o consumo exagerado e o brincar espontâneo e o imaginar livre é excelente para refletirmos como podemos trabalhar na contramão desse movimento.

Leiam, levem este artigo para as escolas, discutam em reuniões de pais, professores, façam rodas de conversa com as crianças, alertem sobre os efeitos da publicidade infantil e, sempre estimulem o brincar da sua forma mais simples. Crianças, de praxe, são criativas, curiosas, gostam de experimentar. Da caixa de papelão fazem um foguete, ou avião, gostam de bola, de corda, de invenção, de histórias, de brincadeiras de correr, de se movimentar, que exijam seu esforço. Por isso, a prioridade de quem está ao lado delas é sempre estimular tudo isso e deixar os celulares e eletrônicos em segundo plano. Ou melhor, deixar pra quando eles crescerem e, involuntariamente, necessitarem desses objetos na sua rotina.

Vejam o artigo  completo “Criança na mira da publicidade”, aqui.