Ceará Cresce Brincando

Aqui se cresce brincando!

Todos são responsáveis

Nesse mês de maio, determinou-se um dia para se falar, debater e buscar soluções para um dos crimes mais graves e inaceitáveis, vivido por milhares de crianças e adolescentes, em todo o Brasil, e principalmente na região Nordeste. O Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes é celebrado todo 18 de maio e serve como um alerta para sociedade e poder público.

Exploração sexual representa a utilização de crianças e adolescentes em atividades sexuais remuneradas, ou não, como a exploração no comércio do sexo ou na pornografia infantil. Ela não está ligada exclusivamente ao ato sexual, mas a qualquer tipo de relação sexual ou atividade erótica que implique proximidade físico-sexual entre a vítima e o explorador.

Segundo dados do Disque Direitos Humanos, em 2011, a região com o maior registro de denúncias foi a Nordeste, com 37.779 denúncias, 38% do total. Em seguida, aparecem as regiões Sudeste (32.088), Norte (10.501), Sul (10.366) e Centro-Oeste (7.701).

Tratando-se do Ceará, o assunto é ainda mais sério. O estado sempre figurou no ranking nacional de casos de tráfico de crianças e adolescentes. Uma articulada rede de hotéis, pousadas, agências de turismo e bares sustentam o crime.

O Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) assegura o respeito à integridade física, psicológica e moral de todas as crianças e adolescentes, mas na prática todo mundo sabe que a vulnerabilidade sócio-econômica e psicológica das classes mais baixas, atrelada à impunidade dos crimes, e a cultura patriarcal vigente, falam mais alto que a validação dos direitos.

Mudar esse quadro é um processo difícil, mas que não pode, por isso, ser ignorado. A responsabilidade por essa mudança é de todos. A criança é frágil e vulnerável. Ela depende e conta com a proteção da família, escola, sociedade e governo.

Uma importante ferramenta de denúncia é o Disque 100, um serviço gratuito que recebe denúncias de violência contra crianças e adolescentes. O atendimento é feito durante 24 horas e em todos os dias da semana. As denúncias também podem ser feitas pelo site www.disque100.gov.br. Além disso, a Campanha Faça Bonito realiza, há anos, um bom trabalho de divulgação e combate à exploração de crianças e adolescentes. Conheça o site http://www.facabonito.com.br/, e ajude a divulgar a campanha, porque, afinal, assegurar um desenvolvimento feliz e saudável às crianças e adolescentes, é responsabilidade nossa.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: